20 de novembro de 2022

Dia da Consciência Negra: Dia de luta pela igualdade de direitos e contra o racismo

 

O Sindicato dos Servidores do Poder Judiciário Federal em Alagoas (Sindjus-AL) reforça a importância do Dia da Consciência Negra, comemorado em 20 de novembro, que representa a luta pela igualdade de direitos, contra o racismo e a opressão à população negra.

A data relembra o dia da morte do maior líder negro, Zumbi dos Palmares, que lutou contra a escravatura, tendo como cenário a Serra da Barriga, no Quilombo dos Palmares, em Alagoas, local de resistência da luta dos negros e negras.

Dívida social

O povo negro no Brasil continua vítima do caos social, sofrendo violência, falta de oportunidades e emprego, em piores condições de vida e de trabalho. Em 2020, a taxa de mulheres negras assassinadas tornou-se 66% maior à de não negras. O Sinan (Sistema de Informação de Agravos de Notificação) registra que o número de óbitos entre crianças e adolescentes negras de 10 a 14 anos é duas vezes maior do que a de não negros, somando 61% e 31%, respectivamente.

Neste dia da consciência negra, é fundamental continuar na luta pelo avanço da igualdade racial, por Saúde e Educação públicas gratuitas e de qualidade, salários dignos, moradia, transporte público acessível a todos, titulação e demarcação de terras quilombolas.

Parabéns a todos os(as) nossos(as) guerreiros(as), filho(a) de Zumbi dos Palmares, que honram os(as) alagoanos(as)!

20 de novembro de 2022

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *