17 de setembro de 2020

Fenajufe encaminha ofício ao novo presidente do STF para reunião sobre pautas dos servidores

Objetivo é atuar pela implementação do Fórum Permanente de Carreira e outras reivindicações da categoria

A Fenajufe encaminhou, na segunda-feira (14), ofício ao novo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Luiz Fux, onde requer audiência para tratar sobre os temas emergenciais que integram a Pauta Nacional de Reivindicações dos servidores.

No documento, a Federação Nacional manifesta congratulações pela posse, “desejando-lhe um mandato profícuo e exitoso na defesa intransigente da Democracia no Brasil e da Constituição Federal”.

O ofício informa que a Fenajufe protocolou, ainda na gestão do ministro Dias Toffoli, uma Pauta Nacional dos Servidores do Poder Judiciário da União a ser debatida e implementada pelo STF.

Dentre os principais itens apresentados no mês de junho estão a efetiva implementação do Fórum Permanente de Carreira, instituído pelo CNJ através da Portaria nº 119/2020, além de temas específicos da categoria como NS para Técnicos, reenquadramento dos Auxiliares, entre outros. Veja AQUI as reivindicações apresentadas pela Fenajufe.

“Com o objetivo de continuar o diálogo aberto com o STF e o intento de apresentar os principais pontos da Pauta de Reivindicações a Vossa Excelência, requer-se a designação de audiência para o mais breve possível, resguardando obviamente todas as medidas de segurança ante à pandemia do novo Coronavírus”, finaliza o requerimento assinado pelos plantonistas da semana Lucena Pacheco e Ranulfo Filho. Clique Aqui para ler a íntegra do ofício

Para Lucena, as questões apresentadas pelo ministro Fux durante a posse na quinta-feira sobre a proteção ao meio ambiente e direitos humanos, além do uso de tecnologias para facilitar o acesso ao Judiciário, “nos deixou a expectativa de que, em meio às inovações propostas, com uma visão humanista da administração, as trabalhadoras e trabalhadores do Judiciário serão ouvidos durante o processo”.

Ainda de acordo com ela, apesar da afirmação referente à manutenção da estabilidade e salários dos atuais servidores, há uma preocupação quando o novo gestor do Supremo Tribunal expressa sobre a necessidade de discussão quanto aqueles que integrarão o quadro no futuro. “A Federação representa os trabalhadores e trabalhadoras do Judiciário de todo país, através de seus 29 sindicatos, e nesta linha prima pela defesa do serviço público, de forma que caminharemos no sentido da manutenção de um serviço público qualitativo, em busca do bem estar social, com servidoras e servidores valorizados para uma prestação jurisdicional em consonância com todas normas previstas na Constituição de 88 e suas atuais emendas”, finaliza.

O plantonista Ranulfo Filho enfatiza o fato de o novo presidente já ter nomeado três Agentes de Polícia Judicial para cargos estratégicos no STF, “o que valoriza este segmento da categoria”, e diz esperar que a administração de Luiz Fux dê especial atenção às pautas dos servidores, em especial, a data-base, NS para Técnicos e o Fórum Permanente de Carreira.

 

Por Caroline P. Colombo, a serviço da Fenajufe

17 de setembro de 2020

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *