11 de maio de 2019

Sindjus-AL realizará rodadas de assembleia geral para mobilizar a categoria à greve geral

A coordenação do Sindjus-AL irá se reunir nesta semana, para definir um calendário de assembleias setoriais, objetivando a mobilizar a categoria pela greve geral contra a reforma da Previdência, PEC 06/2019, no dia 14 de junho.

Com as greves gerais de 2017, a população conseguiu barrar a reforma do governo Temer. Com todos os trabalhadores dos serviços público e privado, movimentos sociais, populares e estudantis, o recado da população contra a reforma da previdência será dado ao governo Bolsonaro.

A greve geral é para derrotar a PEC 06/2019 que impede a aposentadoria dos trabalhadores e acaba como caráter público da Previdência, objetivando privatizá-la e entregá-la à vulnerabilidade do sistema financeiro.

A PEC 06/2019 impõe o aumento da idade mínima e o tempo de contribuição sobre o falso discurso de que a Previdência é deficitária, quando já foi comprovado pela CPI que a Previdência é superavitária. O problema é a Desvinculação da Receita da União para pagamento dos juros da dívida pública, além das isenções fiscais e dívidas das empresas.

A PEC 06/2019 impõe idade mínima avançada e contribuição mínima de até 40 anos, o que significa o fim do direito à aposentadoria, principalmente, aos trabalhadores mais pobres e vulneráveis, aos idosos, pessoas com deficiência e em situação de miserabilidade que recebem um salário mínimo a título de Benefício de Prestação Continuada (BPC).

Para as regras de transição, a exigência de 35/30 anos de contribuição, e mais a Regra 86/96, que sobe até chegar a 105/100 em 2033, ou seja, a soma da idade e do tempo de contribuição do trabalhador terá que dar 105, e da mulher 100.

O governo aumento da contribuição previdenciária para até 22%, o que configura confisco aos salários.

 

Calendário de mobilização Nacional

15 de maio – greve nacional da Educação

 

14 de junho – greve geral contra a reforma da Previdência

 

11 de maio de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *